(11) 5575-9378

As doenças cardiovasculares podem se manifestar em qualquer momento da vida. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia, elas são a principal causa de morte hoje no país – com cerca de 1,1 mil óbitos por dia. Sedentarismo, má alimentação, diabetes, tabagismo, estresse, consumo excessivo do álcool e hereditariedade são alguns fatores de risco que podem influenciar o desenvolvimento de problemas cardiovasculares.

Doenças cardiovasculares frequentes

Infarto agudo do miocárdio

Também conhecido como ataque cardíaco, o infarto agudo do miocárdio acontece quando uma das artérias ligadas ao coração é bloqueada. Com isso, o músculo cardíaco fica sem oxigênio e o órgão tem suas funções comprometidas ou para de funcionar. Entre as principais causas do infarto, está o acúmulo de placas de gordura dentro das artérias, que pode acontecer por má alimentação e sedentarismo, além de outros fatores como obesidade, estresse, hipertensão arterial e tabagismo. Alguns sinais e sintomas do infarto agudo do miocárdio podem ser:

  • Dor no peito que se espalha para o braço e/ou para o queixo;
  • Sensação de desmaio, acompanhada de mal estar;
  • Sudorese intensa.

Insuficiência cardíaca

A insuficiência cardíaca é uma doença crônica, conhecida pela falta de capacidade do coração em bombear o sangue para o corpo todo – seja por fraqueza do músculo cardíaco ou rigidez das artérias. Com o tempo, o bombeamento insuficiente do coração passa a prejudicar as funções e necessidades dos outros órgãos. A insuficiência cardíaca pode se desenvolver, principalmente, em pessoas obesas, com diabetes ou pressão alta. Nem sempre os sinais e sintomas da insuficiência cardíaca são perceptíveis na fase inicial, mas algumas pessoas podem sentir:

  • Falta de ar, mesmo em repouso;
  • Fadiga;
  • Inchaço nas pernas;
  • Palpitações;
  • Náusea;
  • Tosse;
  • Em idosos, pode causar sonolência e confusão mental.

Hipertensão arterial (pressão alta)

A hipertensão arterial, popularmente conhecida como pressão alta, é uma doença crônica causada pelo aumento da pressão do sangue no interior das artérias. Se não controlada corretamente, com acompanhamento médico, a doença pode se tornar um fator de risco para ataque cardíaco, AVC e outros problemas de saúde. A hereditariedade é um dos principais fatores de risco da pressão alta, mas hábitos de vida, como estresse, sobrepeso ou obesidade, consumo elevado de sal e sedentarismo, também influenciam no desenvolvimento da doença. Normalmente é assintomática, mas alguns sinais e sintomas da pressão alta podem ser:

  • Dor no peito;
  • Sangramento pelo nariz;
  • Dor de cabeça;
  • Zumbido no ouvido;
  • Tontura;
  • Visão embaçada.

Acidente Vascular Cerebral (AVC)

O AVC, também conhecido como derrame, acontece quando falta sangue em alguma parte do cérebro. Isso pode ocorrer por formação de um coágulo (AVC isquêmico) ou pelo rompimento de algum vaso cerebral (AVC hemorrágico). Apesar de acontecer em pessoas de qualquer idade, ele é mais comum em pessoas com mais de 55 anos. O tabagismo, sobrepeso ou obesidade, a hipertensão arterial, bem como a presença de outras doenças cardiovasculares são importantes fatores de risco. Os sinais e sintomas do AVC podem acontecer de uma hora para outra e o paciente deve ser levado imediatamente ao médico:

  • Alteração ou perda da visão;
  • Perda de força;
  • Dificuldade para falar e engolir;
  • Fraqueza, sensação de formigamento ou paralisia de um lado do corpo;
  • Dor de cabeça forte e persistente;
  • Dificuldade para andar ou queda súbita.

Doença isquêmica do coração

A doença isquêmica do coração, também é chamada de doença coronariana, é causada pelo bloqueio das artérias devido a placas de gordura, o que prejudica o fluxo do sangue para outros órgãos. Isso diminui o acesso aos nutrientes e oxigênio, que deveriam chegar ao músculo do coração, causando angina (dor no peito) e até infarto, em casos mais graves. Entre os fatores que aumentam as chances da doença, além da genética, estão o fumo, diabetes, sobrepeso ou obesidade, hipertensão arterial e o colesterol alto. Alguns sinais e sintomas da doença isquêmica do coração podem ser:

  • Dor no peito;
  • Falta de ar;
  • Suor e palidez;
  • Sensação de queimação, peso ou aperto no peito.